Amigos são amigos, com ou sem Facebook

Facebook_like_buton Facebook-dislike-button-1

 

 

 

 

 

 

 

 

Hoje, uma amiga falou no grupo do WhatsApp: “Amigos, deixarei o FB, mas continuarei aqui no WhatsApp e na vida real”.

Vida Real.

Sim, ela existe e está bem longe das redes sociais.
Mas como viver sem as redes sociais?
Impossível? Talvez.
Proibida? Jamais.
Complicada? Muito.
Todos estamos lá e não sabemos mais como sobreviver sem ficar por dentro das novidades diárias dos amigos, os aniversários, as viagens, os nascimentos dos filhos…

Hoje em dia existem tantos meios de comunicação, que ficamos perdidos em qual o momento mais apropriado para usar um ou outro. Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest, WhatsApp, Icq, Nike+, Waze, Swarm, Linkedin, GPlus. Como usa-los? Por que usa-los? Pra que usa-los?

Essa coisa de FB e cia invadir a nosso dia a dia nos colocou num grande Big Brother. Claro, estamos ali porque queremos. Eu tenho amigos que nunca entraram no FB e são felizes assim. Tenho outros que são infelizes lá dentro e nunca saíram. E por que não saem? Medo de perder os amigos. Medo? Por que? Se são seus amigos no Facebook também serão seus amigos fora dele. Não? Pelo menos essa é a ideia.

Se bem que existem aqueles que quanto mais amigos tiverem no Facebook melhor. Tipo na época do extinto Orkut (“quanto mais amigos eu tenho, mais legal eu sou”). Hashtag “Só que não”, né gente? Prefiro qualidade à quantidade. Se você me conheceu ontem, te add no FB e vc não agregou nada à minha vida tempos depois… Um beijo pra você. Não preciso de quantidade só pra dizer que sou popular. (perderei alguns amigos depois desse post… ou não, vai saber)!

Tem também aqueles que te colocam como amigos no FB, mas te restringem em várias coisas. Amigos por que mesmo? Amigo que é amigo não restringe você no FB ou em qualquer rede social. Se você é amigo, pode saber da vida do seu amigo sem problema nenhum. (exceto os chefes e alguns familiares – que muitas vezes não queremos tanta intimidade assim por esse ou aquele motivo) – mas aqui não entra o caso.

Esses dias tive um probleminha parecido: um amigo me restringiu no FB. Achei o óóóhhhh. Se não quer ser mais meu amigo, então me deleta.
Se ele não quer a minha amizade nem em FB, que dirá no convívio da vida real?!?

Um beijo e foi. Simples assim.

Anúncios

Um comentário em “Amigos são amigos, com ou sem Facebook

  1. Carol, eu não conhecia este seu cantinho aqui.
    Gostei bastante da sua reflexão. Sou do time “sem face”. No twitter e instagram uso cadeado por zelo, já que infelizmente tive experiência negativa na rede social. Mas, acho que elas tem muito mais a somar do que a subtrair. Ganhei muitos amigos e conhecimento. É saber “seguir” o que faz você feliz.
    Continue sempre esta Carol linda, determinada e autêntica. Sou sua fã.
    beijos
    Helena
    Blog Correndo de bem com a vida
    Twitter @Correndodebem
    IG @Correndodebem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s