K21 Maresias – A prova sofrência!

Desculpa pela minha falta de atenção com vocês por aqui.
Estava numa correria e algumas coisas acontecendo e não tive nem tempo, nem inspiração pra escrever, e acabei que nem contei como foi minha corrida da K21 Maresias. Mas não seja por isso… antes tarde do que nunca.

Bóra então?

Pra início de conversa já posso deixar bem claro aqui que essa prova foi “montanha” dura de roer, percorrer e encarar!!! Sofriiiiiiido, mas recompensador!!! 🙂

Cheguei em Maresias no final da tarde, retirei o kit (camiseta, meia, boné, squeeze, água de coco, suco) e fui logo encontrar a galera pra papear e esperar pelo Evento Técnico que ia contar um pouco mais o que ia rolar na prova. Ali já comecei a ter calafrios de medinha do que estaria por vir. Óhh my God hahahaha

Acordei, comi meu fast snack, arrumei toda tralha pra corrida, e fui encontrar a galera na Tenda da Nova Equipe. Já estavam todos lá, animados, ansiosos e com grandes expectativas para a corrida.

Photo 18-07-15 18 05 31Photo 18-07-15 21 25 59Foto Oficial da Galera Nova Equipe Núcleo Montanha!

E deu-se a largada.
Já me posicionei bem à frente para não ficar muito pra trás e pegar trânsito nas subidas que viriam.
De cara já tive que encarar o riozinho que desemboca no mar, na divisa de Maresias com Paúba. E ali já começou o perrengue: subidas pra que te quero e bastante trilha. Consegui desenvolver um trotinho depois de 2km, mas logo em seguida tinha uma descida de corda e daí empacou todo mundo de vez. Certo que ficamos ali uns 15 minutos, tranks.

Photo 18-07-15 21 21 56Deu até pra ficar tirando foto!!! 😀

Photo 18-07-15 23 31 40Passado toda fila quilométrica, voltei a correr!!! ….mas quem disse que essa prova era pra correr muito? Corría 1km e logo já tinha algum morro pra descer ou subir, rio pra atravessar, pedras pra ultrapassar, trilhas com mata fechada. Literalmente desbravei o Litoral Norte de SP rsssss

Photo 18-07-15 09 24 05Mas vai dizer se a vista não compensa tudo?!?

Até Paúba estava tudo sobre controle. Foi quando cheguei em Santiago e olhei pra cima. Respira e vaiiii.
A galera dos 10k já estava voltando no maior pique, descendo a montanha. E eu ali pensando que não tinha nem corrido 5k direito. ôôôô dóóóó!!! Rindo pra não gritar hahahaha Bóra subir piramba que foi pra isso que eu vim. Quando enfim, cheguei no final do primeiro morro, me veio à cabeça todo mapa do percurso e comecei a lembrar que ali era apenaaaaassss o começo de tudo. Que viriam mais algumas 5 montanhas pela frente. Don`t be panic! Don`t be panic!

Hora da primeira descida. As corridas de pirambas já me deram um “expertise” maior em descida e dessa vez eu tinha comprado LUVAS. Podia me jogar nos matos que nada ia me machucar (pelo menos as mãos). E fui na raça e no skibunda!! E foi que foi mesmo. Descer de bunda, sem pensar muito é realmente a melhor tática. Tudo bem que você acaba com o braço, masssssssss chega bem mais rápido lá em baixo.Photo 21-07-15 00 44 13E contando: SOBE E DESCE 1. Na sequencia mais um SOBE E DESCE 2. Saí logo em seguida na estrada e percorri um trecho bem curto pela rodovia. Ali, pelos meus cálculos, já devia estar em Toque-Toque Pequeno.
Na saída da estrada tive que atravessar um córrego LOTADO de pedras gigantes! Por alguns (vários) momentos eu estava engatinhando, escalando as pedras e descendo me enroscando inteira pra não escorregar. E o medo de cair e se arrebentar inteira!! Gzuisssss!! 2015.07.18_k21_maresias_MDP15K21M13001Literalmente com águas até o joelho!!

Terminei esse trecho dentro de um condomínio. Provavelmente Toque-Toque Pequeno ainda.
E lá vinha o SOBE E DESCE 3!!! Mas dessa vez eu posso dizer que foi nível punk hard powerfull!! Nunca escalei tanto na vida. Eu subia tudo igual cachorrinho mesmo, sem medo de ser feliz. Era a única forma de não olhar pra cima, querer sentar e chorar!! hahahaha
Nesse trecho encontrei o Nando e o meu coach Emerson Bisan! Perguntei se ainda ia sofrer muito e o Nando só deu uma risada e falou: “Não te falei que era mais foda que Ubatuba?” Era mesmo, ele estava com toda razão.

Photo 18-07-15 19 27 13Coach me deu uma florzinha e corri com ela na viseira o resto da prova!!
Meu amuletinho da sorte. 🙂

Descida pra que te quero, dessa vez dei uma boa disparada. Tava meio cansada de ficar cansada, sabe?!? hahahahahaha Queria fazer o bate e volta na praia logo. Sim Sim. Era bate e volta na praia de Toque-Toque Grande!! Ia subir a ladeira 3 de novo. E ela virou o SOBE E DESCE 4.

Photo 18-07-15 12 03 48Bate e volta em Toque-Toque Grande!! Tinha que registrar, né?!?

E pernas pra que te quero que a subida era bem longa!!! Essa hora já estava bem cansada. Já tinha tomado um gel e resolvi comer balinhas jujubas pra dar mais energia. Comi um pacotinho inteiro na subida e no final da descida tomei mais um gel.
A sofrência deu suas caras bem aí. Estava cansada, com as costas doendo e o tênis todo cheio de gravetos. Parei pra arrumar tudo e aproveitei pra descansar 5 minutos.

Parti de novo pra corrida. Enfim consegui desenvolver um trotinho novamente, e dessa vez desembocamos na praia de Toque-Toque Pequeno! Ain, que alegria. Pessoas, água de coco e poder respirar o mar. hahahahaha Por um minuto me senti livre pra correr!!! Mas foi pouco, logo entrei em um condomínio, não sem antes parar pra quase tomar um banho no chuveiro da praia que um cara ofereceu!!! Foi um alívio poder beber água gelada e lavar o rosto!!! De volta a realidade, voltei pra estrada. Eu tentava manter sempre um trotinho, por mais lento que fosse, mas não queria caminhar. Já tinha ficado muito tempo caminhando nas montanhas, queria correr.

E lá vem mais um perrenguinho com corda. SOBE E DESCE 5 apareceu!! Achei até que estava longe rssss
Mais algumas escorregadas aqui e ali, voltei pra estrada. Essa hora meu corpo deu o sinal: SAL SAL SAL. Comi um biscotinho salgado, tomei mais um gel e continuei no ritmo. Encontrei o Lu, namorido da Jacke Reis. (Corredora de Óculos) e ele disse que estava com um pouco de dor nas batatinhas. Lógico que lembrei da minha experiência em Campos e já dei a dica pra ele da Compressport – canelito de compressão salvador de todas as batatinhas!

Corri mais um trecho de praia – Paúba. Estava voltando!! Era só mais essa praia. Ali devia estar pelo km 18 mais ou menos. Vai que falta poucooooo!!! Mas não sem antes passar pelo SOBE E DESCE 6, né?!? 😛 E então, corrida pela trilha, riacho de Maresias e praiaaaaaa!!! Chegandoooo, alguns metros…. “nossa, que dor no pé de repente” (era só uma bolha de água) e enfim, CHEGUEIIIIII!!!!

Photo 18-07-15 23 21 27Ufa, Chegueiiiiii!!! Estavam todos lá, aplaudindo, torcendo, vibrando!!!
É tão bom correr com a galera do seu lado na torcida, né?!? Cheguei realizada!!!

Photo 20-07-15 23 32 38Jacke Reis e Jujubs

Foi uma prova difícil, muuuuuito técnica, e com altimetria de fazer chorar!!!
Pra quem nunca correu montanha, e pretende correr Maresias algum dia, eu aconselho a correr os 10K pra testar mesmo se aguenta ir pros 21K. Por que é punk nivel hard power mesmo!!
Por vários momentos eu queria parar, descansar, sentar, me jogar no rio pra refrescar, ficar lá pela praia mesmo… mas meu lema é NEVER EVER GIVE UP. É nos momentos mais difíceis que aprendemos a vencer os obstáculos, físicos e mentais!!

Valeu galera!! Bóra pra próxima!?!?! hahahahahahaa
Anota aí 28 Praias em Ubatuba no final de Setembro! 😉

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s