Dicionário da Corrida

Pra quem ainda tem dúvida do que significa algumas palavras do mundo da corrida, resolvi fazer um post com o Dicionário da Corrida. 🙂

Se vai resolver todos os problemas, não sei, mas que vai ajudar bastante no bate-papo pós corrida, vai!! 😀

  • Blue-Line: linha que tangencia corretamente o percurso da prova (muito usada em provas internacionais)
  • Majors: provas internacionais consideradas as mais importantes do calendário de corrida de rua
  • BPM: Batimentos (do coração) por Minuto
  • PPM: Passos (que você dá) por Minuto
  • Gel de Carboidrato: suplemento ingerido durante as provas longas para dar energia.
  • Curral: local em que os corredores aguardam a largada da prova
  • Número de Peito: identificação visível na prova
  • Sprint: acelerar rapidamente a velocidade
  • Pace: tempo que você leva para completar 1km ou 1milha
  • Longão: nome dado aos treinos longos
  • Chip:
  • Fartlek: treino contínuo que alterna ritmo forte e fraco
  • Overtraning: treino que causa queda de rendimento
  • Quebrar: quando o corredor não consegue mais manter o ritmo inicial
  • Pipocas: corredores que não se inscreveram na prova
  • Coelho: corredor que puxa os outros (ele não está competindo na prova)
  • Fundista: atletas que correm percursos maiores que 5km
  • Pelotão: grupo de corrida
  • Negativar: correr a segunda metade da prova mais rápido
  • Muro: exaustão ou cansaço que acontece geralmente após os 30km da maratona
  • Endorfinado: corredor eufórico pós treino ou prova
  • Regenerativo: treino leve para recuperar o corpo de uma prova
  • Trote Paquera: corrida leve trocando ideia com amigo
  • Turtle Pace: galera que corre no passinho da tartaruga
  • Pórtico: largada ou chegada da prova
  • Crioterapia: procedimento feito com água bem gelada ou gelo para relaxar o músculo pós treino ou prova intensa
  • Rodagem: treino contínuo no mesmo ritmo

 

treino_bike_janeiro_02

 

Falou people!!
Nos vemos nas pisssstasss!!

redes-sociais

 

Anúncios

5 anos depois…

E parece que foi ontem.

5 anos se passaram. Tantas corridas. Tantas conquistas. Tantas viagens. Tantas novas amizades. Tantas medalhas. Tantos tênis. Tantos kms rodados. E uma certeza. Eu mudei meu jeito de ver a vida.

Nunca pensei que uma bike faria tanta diferença. Sim uma bike. Eu comecei a correr por causa de uma bike.Um dia eu decidi mudar de vida e comprar uma bike. Nela depositei toda as minhas vontades de voltar a me exercitar. Nunca fui uma pessoa sedentária. Pelo contrário. Quando criança praticava tantos esportes que era obrigada a sair 10 minutos antes da terminar a aula de balé pra poder chegar a tempo na equitação. Ia a pé pra natação e pro tênis. No clube praticava ginástica artística. E ainda tinha rolé pra aula de inglês. Tudo isso cabia nas minhas tardes semanais. (fora as lições de casa intermináveis – que quem lembra bem, na década de 80/90 não era bolinho não).

Enfim, depois dessa longa bagagem, na adolescência saí de tudo (como uma boa adolescente rebelde) e resolvi fazer academia. Mas quem dura na academia? Óbvio que era 2 meses de empolgação e 10 meses pagando pra não ir. Por fim, resolvi sair de tudo. Muitos anos depois, voltei pra academia determinada a emagrecer. Consegui manter o ritmo por 1 ano até mudar de emprego (a academia era do lado do trabalho). E então saí da academia de novo e tuuuuudooo mudou.

Por fim, em 2011 resolvi comprar aquela bike. E meu olhar pra vida mudou. Na bike pude conhecer pessoas incríveis, que tinham um estilo de vida completamente diferente do que eu vinha levando. Pra acompanhar a galera eu era obrigada a acordar cedo no sábado ou domingo pra pedalar nas ciclovias. Era obrigada a aguentar a galera pedalando mais de 30km. Completamente fora da minha realidade da época.

bike-01

Nesse momento surgiu a Ju Bakanovas me chamando pra correr uma prova de 5km com ela. Nunca tinha corrido 100m. Eu pedalava. Correr jamais. Maaaaasss, resolvi encarar o desafio. Comprei um tênis de corrida e fui pra esteira. Caminhava a vida e corria 30 segundos. Era tudo pro primeiro dia! Também, fumando como eu fumava, não seria fácil encarar a esteira. Mas eu não desisti. Intercalava os treinos de corrida (caminhada) com os pedais noturnos. Fiz durante uns 2 meses, até o dia da prova.

30/agosto/2011. Domingo. 6 horas da matina. Tentando entender pra que serviam tantos alfinetes. Aquele monte de mulher com camiseta rosa, viseira e um sorriso gigante no rosto. E eu me perguntava: “Será que vou conseguir fazer isso?”

A primeira e única prova que fiz com largada na Ponte Estaiada!
Larguei correndo como se não houvesse amanhã… por 5 minutos. E depois caminhei… caminhei… e resolvi trotar até a chegada!! Circuito Lotus. Será para sempre minha corrida querida! ❤

Foi a experiência mais esquisita que tinha acontecido na minha vida. “Correr” por 5km, no meio de um monte de gente, na Marg. Pinheiros e terminar radiante, querendo fazer tudo de novo. Desacreditei de mim mesma. Estava com dores até no fio de cabelo. Mas depois que peguei a medalha, disse: “Quero fazer isso pro resto da minha vida!”

Hoje, após 5 anos, muitas centenas de 5km depois, tenho a certeza que eu quero correr pra sempre. Seja no asfalto, na montanha, na praia… na lua.
Hoje não me imagino mais sem treinar, sem dar aquela corridinha no parque, sem calçar um tênis na praia e dar um trotinho!

Correr não é mais aquele esporte para melhorar de vida, sair do sedentarismo.
Correr é meu estilo de vida. Correr é minha dose semanal pra lembrar que eu estou viva! Viva até a última gota de suor. \o/

E hoje eu quero mais que correr. Quero voltar a pedalar. Pedalar aquela bike que me fez entrar em movimento. Pedalar aquela bike que eu deixei encostada pra poder correr. Pedalar. Correr. E porque não, Nadar!  😉

A seguir, cenas do próximo capítulo.

Vai e volta no blog

Tô parecendo aquelas dietas que nunca dão certo… hahahaha um vai e volta nesse blog que vou te contar.
Mas não fiquem triste… a FANPAGE De Repente Atleta e o Instagram (@carulessa e @derepenteatleta) continuam firmes e fortes hahahaha

Well, mas as novidades por aqui vão muito bem.
Resolvi de matricular na academia de vez. Essa coisa de só correr, e treinar no parque é lindo, mas a realidade é outra. Preciso queimar calorias. Preciso de muito exercício cárdio pra chegar na Golden Four SP 4kgs mais magra. 1kg já foi pro ralo… agora é focar nos 3kgs que vão ser mais penosos de sair. Na verdade verdadeira eu já emagreci 3kg do que eu estava. Esses primeiros sempre são mais fáceis… o difícil agora sãos esses outros 3kg que empacam antes do corpo acostumar com a perda de peso.

E vou contar uma coisa pra vocês: não tá nada fácil manter a dieta nessa vida louca que a gente leva. Chocolates surgem por todo lado na minha vida. Nunca fui de comer tanto chocolate. Será ansiedade? Do que, my GOD?!?! hahahahaha Só sei que a academia entrou na hora certa. Foco Foco Foco. Aula de tudo que posso fazer e bora treinar. Tudo em prol da corrida.

Vou fazer um resumão pra vcs do meu último mês de corridas:

No início de Maio fui pra Floripa correr a Wings for Life World Run. Foi sensacional. Corrida incrível, pessoas lindas, viagem top. Foi muito bom. Consegui correr 11k antes do carro perseguidor me alcançar. Segui o ritmo dos amigos e me controlei pra não me distanciar deles. Deu certo!! o/

Depois veio a GRAACC – 10K de muita ladeira. Ainda bem que o tempo estava friozinho e ajudou pra não morrer no calor da Rubem Berta.

Duas semanas atrás teve a Athenas SP – Foram mais 10K pra conta. Essa prova não foi muito legal pq minha corrida não desenvolvia. Respiração péssima, batimentos acelerados. Não curti muito não. Mas completei os 10k inteira.

Final de semana passado corri o Circuito Vênus SP. Foi muito bom. Como já tinha iniciado meus treinos na academia (e tbm no parque), melhorei meu tempo nos 10K e fechei a corrida no melhor tempo ever – 1h04m40s uooooouuuhhh!!! o/
Agora bora bater a meta de sub 1h nos 10K 😉

Photo 05-06-14 16 38 07

E é isso aí. Muitas risadas, muitos amigos, muitas fotos e bora treinar que daqui 2 meses tem 21K pra encarar de novo!!!

#projetoburn 😉
#neverevergiveup

Doe Sua Energia… correndo!

Olha só que ação bacanérrima que a Baterias Moura está fazendo: “Doe Sua Energia”.
A brincadeira é super séria e você pode ajudar uma instituição de caridade apenas com a energia das suas corridas.

Como funciona?

doe-sua-energia

Baixe o app da Baterias Moura – DOE SUA ENERGIA. (é de graça)
Cadastre-se via FB e já comece a correr. Cada 1km = R$ 1,00. Você pode correr até 42k por dia. E vai acumulando reais.
Essa ação vai até o dia 26/01 (uma pena que descobri só agora). A instituição será escolhida pela própria Moura que irá doar toda a arrecadação da nossa corrida. 😀

Achei uma ação super simples, humana e incrível!!!
Nota 10 pra galera da Baterias Moura!

Aqui você fica sabendo um pouco mais da ação: Doe Sua Energia!